segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Primeira rodada do Peladinho 2011

Timbiras - No ultimo sábado iniciu a IV Edição do Peladinho 2011, que é uma versão mirim do fomoso tornei de pelados Humberto Carlos de Sousa - PELADÃO que acontece a mais de 20 anos. O peladinho tem a iniciativa de jovens lideranças de Timbiras que são José Franklin e Daniel do Foresttim, o campeonato é disputado por crianças menores de 14 anos e jogado no campo da Peladão no bairro mutirão.
O campeonato tem ( 8 ) oito times onde todos se enfrentam classificando os quatros primeiros para a seme - final e posteriormente o primeiro joga com o quarto e segundo com o terceiro, os canpeões dos dois jogos se enfrentam na grande final que acontece no 01 de maio 2011 quando também se encerra o Peladão.
O torneio tem total apoio da Prefeitura Municipal de Timbiras. O torneio vem se tornando uma das grandes atrações dos sabados pela manhã, veja no detalhe (foto) o Prefeito Nonato da Casa Lima Prestigiando o peladinho 2011.

O peladinho é uma das formas que entidades como FORESTTIM e Associação Arco Íris ambas lideradas por Daniel Gleyson e José Franklin, respectivamente, tem encontrado para mostras par as crianças que a vida tem várias direções dentre elas o esporte que saudável e te proprociona vários sentimentos, o indice de crianças que usam drogas em Timbiras é altissimo, ações iguais a essa são de grande relevancia para a comunidade. Veja mais Fotos.




sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Rede Globo está fora da licitação de direitos de transmissão do Brasileiro

A Rede Globo anunciou, de forma oficial, que não participará da licitação dos direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro de futebol dos anos de 2012, 2013 e 2014. O comunicado, emitido na noite desta sexta-feira, também diz que a empresa pretende dialogar com os clubes para chegar a um formato de disputa pelos direitos de transmissão.

De acordo com a nota, a Rede Globo acredita que o modelo proposto na carta-convite enviada pelo Clube dos 13 inviabiliza 'qualquer perspectiva de um retorno compatível com os investimentos na compra dos direitos'.

Além da Globo, o Clube dos 13 também convidou Bandeirantes, Record, SBT e RedeTV a tomarem parte da licitação. A carta-convite com as condições da licitação foi enviada na quinta-feira, dia 24 de fevereiro.

Leia, abaixo, o comunicado da Rede Globo na íntegra.

Os dirigentes efetivamente preocupados com os legítimos interesses dos seus clubes e, acima de tudo, os torcedores são testemunhas dos volumosos investimentos que a Rede Globo tem feito ao longo desses anos, numa parceria pelo aprimoramento do nosso futebol, na busca de um espetáculo emocionante, com profissionalismo e qualidade.

Essa contribuição tem se traduzido no crescimento das receitas dos clubes, não só através das receitas obtidas com a venda dos direitos de transmissão, bem como com a comercialização de outros direitos, incluindo propaganda nos uniformes e publicidade nos estádios.

As exigências e modificações nos conteúdos das plataformas implicam na desestruturação de um produto complexo, que foi construído ao longo dos últimos 13 anos, inviabilizando assim qualquer perspectiva de um retorno compatível com os investimentos na compra dos direitos.

As condições impostas na carta-convite não se coadunam com nossos formatos de conteúdo e de comercialização, que se baseiam exclusivamente em audiência e na receita publicitária, sendo incompatíveis com a vocação da televisão aberta que, por ser abrangente e gratuita, é a principal fonte de informação e entretenimento para a maioria dos brasileiros.

Assim é, em respeito ao interesse do público, que a Rede Globo se sente impedida de participar desta licitação e pretende manter diálogo com cada um dos clubes para chegarmos a um formato para a disputa pelos direitos de transmissão que privilegie a parte mais importante desse evento: o torcedor.

Globoesporte.com

Audiencia Pública de Sáude na Câmara de Vereadores de Timbiras

Timbiras - na ultima quarta-feira dia 23 de fevereiro de 2011, na Câmara de Vereadores, foi realizada uma Audiência Pública de Saúde, porém junto com a audiência foi realizada a primeira sessão do suplente Gerson como Vereador, que fez uso da tribuna (foto) . Atrasando assim as discussões sobre o tema e irritando algumas lideranças populares.
Após a sessão ordinária dos Vereadores, deu inicio a Audiência da Saúde, foram chamados a compor a mesa o Promotor de Justiça Edilson Santana, o Secretária Municipal de Saúde e todos os Vereadores. A titulo de encaminhamento o Promotor de Justiça pediu a fala e explicou que devido ao atraso e estar muito tarde encaminho que hoje apenas sejam levantados os temas e em outra oportunidade discutimos de fato os problemas e chegarmos a uma possivel solução, logo foi aceito por todos inclusive pelos populares e marcaram uma nova data para as discussões, ficando para quinta-feira dia 03 de março de 2011 na escola Maria de Lourdes, às 08:00hs da Manhã. Dentre os temas o mais polêmico foi os Agentes de Saúde, onde várias pessoas relataram situções desagradáveis sobre o trabalhos dos agentes. O vereador Manoel Rocha parecia estar irritado com todos e em tom de "menino rebelde" pediu que o secretário de Saúde fizesse um juramento perante todos que iria voltar para as discussões. Após o levantamento dos temas o presidente pediu todos se fizessem presentes a proxima audiencia e agradeceu a presença de todos e declarou a audiencia encerrada.

As discussões prometem mexer com os nervos, é aguardar pra ver.







Campanha para combater abuso sexual contra adolescentes

BRASÍLIA – A Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República lança hoje (25), às 16h, a Campanha Nacional de Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes, no Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro.

O evento inicia uma mobilização permanente de proteção a esse público que terá ações ao longo do ano. A campanha nacional estará presente em blocos de carnaval e nos aeroportos de 17 capitais do país.

A ideia é convocar a sociedade para uma ação conjunta que ajude a reduzir os casos de violência sexual contra crianças e adolescentes, que aumentam em períodos festivos.

Serão distribuídas peças com a arte da campanha divulgando o Disque 100 – serviço gratuito que recebe denúncias de violência contra crianças e adolescentes. O atendimento é feito durante 24 horas todos os dias da semana. As denúncias também podem ser feitas pelo site www.disque100.gov.br ou pelo endereço eletrônico disquedenuncia@sedh.gov.br.

Pela manhã, a secretária nacional de Assistência Social do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Denise Colin, participará de ação de mobilização da campanha, em Brasília.

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

SENAD lança concursos “Arte e Cultura na prevenção do uso de drogas”

A Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas – SENAD, do Ministério da Justiça, com o objetivo de incentivar a participação dos diferentes níveis estudantis em atividades culturais de valorização da vida e estimular a mobilização e o engajamento da sociedade nas atividades relacionadas à prevenção do uso de drogas, promove, anualmente, concursos nacionais sobre o tema.

O sucesso destes concursos mostra a percepção que a sociedade tem sobre a importância das ações de prevenção do uso de drogas, através de ampla participação de crianças, adolescentes, jovens e adultos.

A SENAD está promovendo o XII Concurso Nacional de Cartazes, direcionado a estudantes do 2º ao 5º ano do Ensino Fundamental de 9 anos, o I Concurso Nacional de Vídeo, direcionado a estudantes do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental de 9 anos e Ensino Médio, o IX Concurso Nacional de Fotografia e o IX Concurso Nacional de Jingle, dirigidos à população em geral. Este ano os concursos têm como tema “Arte e Cultura na prevenção do uso de crack e outras drogas”.

Em parceria com o Centro de Integração Empresa/Escola – CIEE, a SENAD está lançando o X Concurso de Monografia para Estudantes Universitários, com o tema A Intersetorialidade como Estratégia de Enfrentamento ao Crack.

Os trabalhos deverão ser postados até o dia 25 de abril de 2011. Para conhecer o regulamento de cada concurso clique nos linques abaixo. Mais informações estão disponíveis no site www.obid.senad.gov.br

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Veja o calendário de atividades da juventude timbirense

CALENDÁRIO DO 1º SEMESTRE DE 2011 DE ATIVIDADES DA JUVENTUDE DE TIMBIRAS – MA

DATA

EVENTO

REALIZAÇÃO

OBSERVAÇÃO

LOCAL e HORA

02/02/2011

Reunião com lideranças jovens

FOMJUT

Assunto: ida ao povoado juçara e formação da comissão de Org. do FEJMA.

Escola Arco Íris às 19:30h

03/02/2011

Reunião Ordinária do COMJOVEM

COMJOVEM


Câmara de Vereadores

Às 17:00h

06/02/2011

Encontro com a comunidade do Povoado juçara

Lideranças de Juventude


Povoado Juçara - dia todo

08/02/2011

Reunião com Lideranças jovens religiosas

Coordenação de Juventude

Gincana Religiosa

A definir

Timbiras

11 a 13/02/2011

CDPJ

Pastoral da Juventude


Centro Paroquial de Timbiras

11/02/2011

Reunião com donos de Time e jogadores – Peladinho.

Foresttim, HIVida dos cocais e Coordenação de Juventude.

Com participação do Prefeito Nonato da Casa Lima.

Câmara de Vereadores

Às 15:00h






26/02/2011

Inicio do Peladinho

Foresttim, HIVida dos cocais e Coordenação de Juventude.


Campo do Peladão no Mutirão, às 08:00h

05/03/2011

2º rodada do peladinho

Foresttim, HIVida dos cocais e Coordenação de Juventude


Campo do Peladão no Mutirão, às 08:00h

12/03/2011

3ª rodada do peladinho

Foresttim, HIVida dos cocais e Coordenação de Juventude


Campo do Peladão no Mutirão, às 08:00h

17/03/2011

Reunião Ordinária do COMJOVEM – Eleição da nova diretoria.

COMJOVEM


Câmara de Vereadores

Às 17:00h

18/03/2011

Seminário de Informática

Inforbase e lideranças de juventude.


Local a definir,

Pela Manhã.

19/03/2011

4ª rodada do peladinho

Foresttim, HIVida dos cocais e Coordenação de Juventude


Campo do Peladão no Mutirão, às 08:00h

25 a 27/03/2011

Reunião Ordinária do FEJMA

Lideranças jovens de Timbiras.


Timbiras

05/04/2011

Gincana

Prefeitura

Aniversário de Tmbiras

Dia todo

22/04/2011

Paixão de Cristo

Coordenação de Juventude

Teatro

A definir

Timbiras

01/05/2011

Final do Peladinho

Foresttim, HIVida dos cocais e Coordenação de Juventude



21/05/2011

Dia Mundial da Diversidade Cultural



A definir

30/05 a 05/06/2011

Semana do Meio Ambiente



A definir

02/07 a 11/08/2011

Olimpíadas Escolares

Coordenação de Juventude e Foresttim


A definir
















terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Juventude Timbirense

Timbiras - no inicio da semana passada o Coordenador Municipal de Juventude de Timbiras , Leondas Junior e o mais novo lider de juventude e vice-presidente do grupo de teatro de Timbiras Alex Rocha, estiveram em São Luis - MA no encontro realizado pela PLAN, onde estiveram preentes representante do Ministério da Cultura, Capitão da Policia Federal, Secretários Estadual do Maranhão e o Coordenador Geral Orçamentário da PLAN o canadense Maycke.
Leondas e Alex explanaram sobre a luta da juventude no Maranhão para garantir politicas publicas e das grandes conquistas em especial de Timbiras, orçamento mensal de 5.000 reais para a juventude, Conselho Municipal de Juventude, Forum Municipal de Juventude, Projovem Trabalhador e a mais nova conquista que é a gravação do filme que tem como titulo SAI DESSA (clique e veja o traller), esta ultima empolgou o canadense logo pediu pra assistir e garantiu recurso e exibição internacional, abriu duas vagas para os jovens timbirenses irem ao encontro de parceiros da PLAN que acontecerá em São Paulo, no mês de março. A juventude de Timbiras sem dúvidas é uma das mais atuante do Maranhão.



segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Começa hoje segunda etapa de inscrições para o ProUni

Começa hoje e vai até quinta-feira (24) a segunda etapa de inscrições para as bolsas do primeiro semestre de 2011 do ProUni (Programa Universidade para Todos). São oferecidas bolsas de estudo integrais e parciais de 50% do valor da mensalidade.

Os candidatos que se inscreveram na primeira etapa e não foram pré-selecionados, ou aqueles que foram pré-selecionados para cursos em que não houve formação de turma, poderão candidatar-se novamente às bolsas.

Os estudantes que não se inscreveram na primeira etapa também terão nova oportunidade de inscrever-se. Os candidatos que foram pré-selecionados e conseguiram a bolsa na primeira etapa não poderão inscrever-se nesta etapa. Ao fazer sua inscrição, o estudante poderá escolher até três opções de curso e instituição.

As inscrições serão feitas exclusivamente pela internet, no site do programa. Para inscrever-se, os candidatos deverão informar o número de inscrição e senha no Enem 2010 e o CPF.

Fonte: siteprouni.mec.gov.br

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Câmara derruba emendas e aprova salário mínimo de R$ 545

Com a rejeição de duas emendas que previam reajustar o salário mínimo para R$ 560 (do DEM) e R$ 600 (do PSDB), a Câmara dos Deputados aprovou integralmente, no início da madrugada desta quinta (17), o projeto de valorização do mínimo apresentado pelo governo.

Com isso, o salário mínimo, atualmente em R$ 540, passa a R$ 545. A votação foi o primeiro grande teste da capacidade de coesão da base governista na Câmara.

Para entrar em vigor, a proposta necessita agora de aprovação no Senado, onde a votação deve acontecer na próxima semana. Se os senadores introduzirem modificações, a proposta terá de voltar para a Câmara. Do contrário, será enviada para sanção presidencial.

A discussão e votação na Câmara durou quase dez horas - a ordem do dia para votação do reajuste do mínimo começou pouco antes das 15h e terminou à 0h25 desta quinta (17).

Antes da votação das emendas do PSDB e do DEM, o plenário aprovou em votação simbólica (pelos líderes das bancadas) o texto básico do projeto de lei do Executivo que estabelece diretrizes para a valorização do salário mínimo entre 2012 e 2015 e fixa em R$ 545 o valor do novo mínimo. A proposta tem como base para os reajustes o índice da inflação mais a variação do Produto Interno Bruto (PIB) dos dois anos anteriores.

Em seguida, foram votadas, na forma de destaque em separado, as emendas do PSDB e do DEM. A emenda dos tucanos propunha um mínimo de R$ 600. O plenário rejeitou por 376 votos contra 106 a favor da emenda e sete abstenções (conheça o voto de cada um dos deputados em relação à emenda dos R$ 600).

A emenda do DEM, que estipulava um mínimo de R$ 560, caiu por 361 votos, com 120 votos a favor e 11 abstenções (confira como cada deputado votou em relação à emenda dos R$ 560).

Ao final da votação das emendas, o presidente da Câmara, deputado Marco Maia (PT-RS), abriu uma nova sessão extraordinária para votação de um destaque apresentado pelo deputado Roberto Freire (PPS-SP).

Freire questionava a constitucionalidade de um dos artigos do projeto do governo, segundo o qual, com a aprovação da política para o salário mínimo até 2015, o valor do mínimo nos próximos anos passará a ser fixado por decreto pelo governo, com base nos critérios estipulados pelo projeto.

Segundo Freire, com isso o Congresso perderia a prerrogativa de fixar o valor do mínimo ano a ano. Na votação, a proposta do deputado do PPS foi rejeitada por 350 votos contra, 117 a favor e duas abstenções.

Urgência
Na noite de terça (15), o projeto de lei do salário mínimo teve aprovado o regime de urgência, para que pudesse ser votado nesta quarta. Enquanto a matéria não fosse apreciada, nenhum outro projeto poderia ser votado pela Câmara.

do G1

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Por mínimo de R$ 545, governo ameaça demitir ministro do PDT

Numa ofensiva para garantir a aprovação do salário mínimo de R$ 545 nesta quarta-feira, 16, na Câmara o governo mapeou os nomes dos dissidentes na base, cujas indicações políticas para cargos no segundo e terceiro escalões e nas estatais federais serão barradas, e também avisou ao PDT que o ministro do Trabalho, Carlos Lupi, poderá perder o cargo se o partido, que integra a coalizão governista, mantiver a disposição de votar a favor de R$ 560.

Os líderes aliados estão confiantes na vitória dos R$ 545 com cerca de 300 votos e esperam uma dissidência de 76 votos na base aliada, segundo cruzamento realizado ontem. Na avaliação tanto de governistas quanto de oposicionistas, o mínimo de R$ 560 deverá contar com o apoio de 150 a 180 deputados. "A situação é confortável", disse o líder do governo na Câmara, Cândido Vaccarezza (PT-SP).

A presidente Dilma Rousseff decidiu jogar pesado com os aliados para evitar um eventual processo de rebelião na base a favor do mínimo de R$ 560. O temor era que esse valor acabasse "contaminando" os governistas.

Vaccarezza reuniu os líderes num almoço na casa do líder do PMDB, Henrique Eduardo Alves (RN), para baixar a ordem unida na votação de hoje: o governo manterá os R$ 545 até o fim, sem dar um real sequer a mais.

"O governo não pode fraquejar nem dar sinais que pode dar mais que os R$ 545. Se abrir a porteira, não tem como segurar: é o estouro da boiada e vai todo mundo junto para os R$ 560", resumiu o deputado Hugo Leal (PSC-RJ).

A base está preparada para fazer cobranças em troca da fidelidade ao Palácio do Planalto. Nesta terça, peemedebistas alardeavam que esperam apenas a votação do mínimo para cobrar de Dilma a demissão de Lupi.

"Se ela não demitir, ela não poderá cobrar mais nada de ninguém", disse um peemedebista. O partido vai usar a votação de hoje como um argumento para conquistar novas nomeações no governo Dilma.

"Se o PDT votar pelos R$ 560, o Lupi vai voltar a vender jornal", brincou o deputado Sílvio Costa (PTB-PE). Antes de entrar na política, Lupi era dono de banca de jornal no Rio de Janeiro. Outro pedetista que corre o risco de ficar fora do governo é o ex-senador Osmar Dias (PR), que pleiteia um cargo numa estatal de energia (Itaipu ou Eletrosul).

O PDT é o único partido da base que promete votar unido contra o valor do governo. O deputado Paulinho Pereira da Silva (PDT-SP), presidente da Força Sindical, sentiu a pressão do Planalto e ficou sozinho na defesa do valor de R$ 580.

Este era o valor inicial proposto por Paulinho e pelas centrais. "Já peleguei. Estou agora defendendo os R$ 560", disse. A estratégia dele é tentar fortalecer esse valor que conta com o apoio do DEM, do PDT e do PV.

Para tentar cooptar o voto de Paulinho e o apoio da Força Sindical, o ministro da secretaria geral da Presidência, Gilberto Carvalho, propôs a aprovação do mínimo de R$ 545 em troca da correção da tabela do Imposto de Renda da Pessoa Física. A própria presidente Dilma Rousseff também se reuniu com Lupi para exigir a fidelidade da bancada de 27 deputados na Câmara.

Argumentos

Os ministros da Fazenda, Guido Mantega, e das Relações Institucionais, Luiz Sérgio, foram ontem à Câmara dar explicações sobre os motivos que levaram o governo a fixar o mínimo em R$ 545. Pela manhã, o secretário Executivo do Ministério da Fazenda, Nelson Barbosa, participou de debates com as bancadas, incluindo os partidos de oposição.

No PSDB, a defesa do mínimo de R$ 600 foi feita pelo economista Geraldo Biasoto Júnior. Na tribuna, ele deu detalhes de como o partido chegou a esse valor, defendido pelo candidato tucano derrotado à Presidência da República José Serra.

O PSDB, o DEM e o PPS não esperam defecções a favor do governo hoje. As eventuais dissidências devem ser computadas nas ausências dos deputados e não nos votos a favor do governo. O PV se declara independente e anuncia que vai votar pelo mínimo de R$ 560. Com apenas três deputados, o PSOL promete apresentar emenda defendendo o mínimo de R$ 700.

No PT, a expectativa é que só o deputado Eudes Xavier (CE), vote contra o governo. No PMDB, são esperadas 17 dissidências. Depois de perder a indicação para a presidência da Autoridade Pública Olímpica, o PC do B ensaiou votar contra o governo

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Escola Newton Neves - Direção e Municipio encontram uma solução temporária

A Newton Neves funcionava com 11 salas de aula onde estudavam 1.200 alunos em três turnos. Em junho do ano passado, engenheiros da Secretaria Estadual de Infraestrutura condenaram o prédio. Descobriram colunas cedendo, rachaduras por todo lado, teto sob ameaça de desabamento.

Os interruptores não existe mais, os fios não estão encapados, então, realmente há uma possibilidade assim muito grande para haver um curto circuito em toda a escola se houvesse movimentação de alunos, liga e desliga de lâmpadas, uso de tomadas, realmente a situação é muito complicada”, disse a diretora em exercício, Joseana Sousa Melo da Silva

SEM RUMO

Os alunos da escola estadual passaram a estudar em prédios cedidos pelo município. Agora a Secretaria Municipal vai precisar dos locais e os estudantes estão sem saber se terão ou não o ano letivo, ainda de 2010, interrompido novamente.

O aluno Irlan de Jesus, já está se preparando para mudar de escola. Segundo ele, já anunciaram que mudanças de prédio virão novamente e ele quer evitar a situação que não lhe deixou boas lembranças.

A vista isso eu vou sair porque falam que no dia 14 a gente vai mudar pra outra escola, não sabe nem pra que escola, vai ficar como o ano passado de 2010, que caçar escola pra gente e muitas pessoas ficaram esperando a diretora, a diretora não deu resultado e agora vai começar de novo”, disse.

ATÉ MARÇO

Para Edvan Conceição a solução deve ser breve, porque as aulas do período letivo 2010, por conta de tantos problemas, só terminarão no final de março.

Eles têm que se virar, a Prefeitura juntamente aí com a direção da escola tem que procurar uma solução”, reclamou.

SOLUÇÃO

A diretora informou que em conjunto com o município já conseguiu um outro local para que as aulas continuem quando a Prefeitura requerer os prédios atualmente utilizados. Ainda não há previsão para o início da reforma da Newton Neves, mas os alunos não ficarão sem aula.

“Também já combinamos com o município, já está tudo acertado que os alunos vão permanecer nas escolas onde estão, pelo menos até o final de fevereiro, período em que a gente precisa para adequar o novo espaço que nós programamos para recebê-los e também estamos convocando os pais para passarem na escola pra ver questão de matrícula”, garantiu Joseana Melo.

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Casa de Apoio à pacientes com AIDS pede socorro ao governo

A Casa de Apoio, da Associação Nossa Senhora da Natividade, que lida com 170 portadores do vírus HIV, está pedindo socorro.

De acordo com informações da presidente, Zenilde Salazar, há necessidade de tudo dentro dela – fogão, geladeira, camas e comida.

Por conta disso, as pessoas com Aids assistidas pela Casa de Apoio estão tendo que se alimentar na residência da presidente, que fez um apelo emocionado.

“A gente tá precisando de muita ajuda do governo municipal, da sociedade porque estamos com pacientes dentro de casa, que tá saindo de dentro da casa de apoio pra fazer suas refeições porque a gente tá precisando de fogão, geladeiras, camas, tudo”, apelou Zenilde

Quem puder ajudar pode deixar sua doação no novo endereço da Associação Nossa Senhora da Natividade – rua 14 de abril, 84, Bairro São Benedito, em frente à escola Humberto de Campos.

blogdoacelio

Álcool mata mais que Aids, tuberculose e violência, diz OMS

O álcool causa quase 4% das mortes no mundo todo, mais do que a Aids, a tuberculose e a violência, alertou a OMS (Organização Mundial da Saúde) nesta sexta-feira.

O aumento da renda tem provocado o consumo excessivo em países populosos da África e da Ásia, incluindo Índia e África do Sul. Além disso, beber em excesso é um problema em muitos países desenvolvidos, informou a agência das Nações Unidas.

No entanto, as políticas de controle do álcool são fracas e ainda não são prioridade para a maioria dos governos, apesar do impacto que o hábito causa na sociedade: acidentes de carro, violência, doenças, abandono de crianças e ausência no trabalho, de acordo com o relatório.

Cerca de 2,5 milhões de pessoas morrem anualmente por causas relacionadas ao álcool, disse a OMS em seu "Relatório Global da Situação sobre Álcool e Saúde".

"O uso prejudicial do álcool é especialmente fatal em grupos etários mais jovens e beber é o principal fator de risco de morte no mundo entre homens de 15 a 59 anos", afirma o relatório.

Na Rússia e na CEI (Comunidade dos Estados Independentes), uma em cada cinco mortes ocorre devido ao consumo prejudicial, a taxa mais elevada do planeta.

A bebedeira, que muitas vezes leva a um comportamentos de risco, agora é prevalente no Brasil, Cazaquistão, México, Rússia, África do Sul e na Ucrânia, e está aumentando entre outras populações, segundo a OMS.

"Mundialmente, cerca de 11% dos consumidores de álcool bebem bastante em ocasiões semanais; os homens superam as mulheres em quatro a cada uma. Eles praticam constantemente um consumo de risco em níveis muito mais elevados do que as mulheres em todas as regiões", disse o relatório.

Em maio passado, ministros da Saúde dos 193 países-membros da OMS concordaram em tentar conter o consumo excessivo de álcool e de outras formas crescentes do uso excessivo por meio de altos impostos sobre bebidas alcoólicas e restrições mais rígidas de comercialização.

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Secretaria de Municipal de Meio Ambiente realiza palestra

Timbiiras - Acontece amanhã a partir das 08h na escola Medici, uma palestra com o tema "LIXO ELETRÔNICO", o evento é organizado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

A palestra tem como publico alvo: alunos e professores do Centro de Ensino Newton Neves e Sociedade Civil em geral.

Palestrantes: José Ribamar O. Melo Filho - Sec. Municipal de Meio Ambiente e José Ribamar Vieira Paula - Especialista em Gestão Ambiental.

POLUIÇÃO TECNOLÓGICA

* Segundo estimativas do Ministério do Meio Ambiente, onze toneladas de baterias de telefones celulares são dscaartados anualmente - um número que está em crescimento acelerado.

Congresso costura acordo para votar Salário Minimo nesta semana

Reunidos nesta quinta-feira (10), o líder do governo na Câmara, deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP), e lideranças do PSDB e DEM fecharam um acordo de procedimentos para a votação do salário mínimo, que deve acontecer na noite da próxima quarta-feira.

O valor de R$ 560 ganha força na Casa entre partidos da oposição e setores do governo, como PDT e PV.

A presidente Dilma Rousseff encaminhou ontem ao Congresso Nacional o projeto de lei que define o novo piso salarial. O governo já havia anunciado que, no documento, o valor é de R$ 545.

Corte no Orçamento pode afetar votação do mínimo
Pressão para piso salarial maior terá reforço do MST

Durante a votação, o acordo é que todos possam discutir a matéria, e que as votações das emendas com valores superiores aos R$ 545, defendido pelo governo, sejam nominais.

Três emendas devem ser apresentadas: uma de R$ 600, dos tucanos, uma de R$ 580, das centrais, e a de R$ 560.

A proposta, que precisa passar pela aprovação dos demais partidos da base, é fazer uma audiência com Nelson Barbosa, secretário-executivo do Ministério da Fazenda, na próxima terça-feira (15) de manhã e uma comissão geral, com a participação do ministro Guido Mantega (Fazenda), logo em seguida, para a votação do projeto no plenário na noite do dia seguinte.

"Estão crescendo as possibilidades de aprovar o salário mínimo sem dificuldades", afirmou Vaccarezza (PT-SP).

"Não seremos inflexíveis nos R$ 600, mas queremos a possibilidade de discutir esse valor", afirmou o líder do PSDB na Câmara, Duarte Nogueira (SP), que participou da reunião com Vaccarezza, com o líder do DEM, ACM Neto (BA), e da minoria, Paulo Abi-Ackel (MG).

Se vingar, o acordo põe fim a uma queda-de-braço com a oposição.

Acusadas de oportunismo pelo ex-presidente Lula, as centrais sindicais, contudo, ainda apresentam resistência.

Ontem, o Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo organizou um protesto pelo mínimo de R$ 580 e pela correção da tabela do Imposto de Renda --outro gargalo na relação entre governo e sindicalistas.

NA FRENTE

O projeto de lei com o novo valor do piso salarial foi publicado hoje no "Diário Oficial da União".

De forma a "furar a fila" de dez MPs (medidas provisórias) que trancam a pauta da Câmara, foi inserido no projeto de lei um artigo, sem qualquer relação com o mínimo, que "disciplina a representação fiscal para fins penais nos casos em que houve parcelamento de crédito tributário".

Por se tratar de matéria tributária, o projeto ganha prioridade sobre as medidas provisórias.

O projeto levado ao Congresso engloba a política de valorização de "longo prazo" do salário.

Na segunda-feira (8), o ministro Luiz Sérgio (Relações Institucionais) anunciou que esta política definiria regras de reajuste para o salário até 2014.

Na prática, é a formalização de regras já adotadas pelo governo desde 2007, quando foi firmado um pacto informal entre governo e centrais sindicais, pelo qual o reajuste obedece à inflação mais a variação do PIB de dois anos antes.

Fonte Folha.com

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Secretário de Educação entrega cargo à prefeito

O Secretário de Educação do município de Timbiras, Raimundo Nascimento, entregou o cargo na semana passada para o prefeito Nonato da Casa Lima. Literalmente, Nascimento disse que pediu pra sair.

A educação timbirense ainda enfrenta problemas para receber recursos extras por conta da inadimplência junto ao Governo Federal deixada pelo governo de Dirce Maria. Isso, na opinião do ex-secretário, engessou o desenvolvimento dos trabalhos na pasta que, simplesmente, não avança.

Raimundo garantiu, ao blog do Acelio, que pediu para sair agora para não ser chamado de incompetente depois.

“Muitas dificuldades que a gente tem passado no sistema e daqui a pouco alguém pode dizer – ah! Não é por incompetência do secretário que não fez isso. Mas o financeiro está quebrado do jeito que tá, como é que nós vamos fazer alguma coisa?. Por isso eu pedi para o prefeito procurar uma outra pessoa porque de repente a gente ainda vai se queimar com uma situação dessa” disse professor

DESTINO

O ex-secretário é do quadro de professores efetivos do município e informou que voltará a sala de aula, no ensino fundamental.

O mais cotado substituto de Raimundo Nascimento é o professor, Antonio Carlos Alves da Silva, vereador e ex-presidente da Câmara(2009/2010). A nomeação deve acontecer esta semana.

Câmara de Vereadores

Com a provável ida do ex-presidente da Câmara, Antonio Carlos, para a Secretaria de Educação, está gerando grandes especulações pela cidade, nos bastidores comenta-se que o Prefeito quer que o 2º suplente Professor Ivanilton Frazão assuma a vaga de Antonio Carlos, mas o 1º suplente Gerson não abre mão de assumir a vereança. É aguardar pra ver.


com informações do Blogdoacelio

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Ação do MP destrói tapagens e distribui peixes em Coroatá

Atendendo a denúncia de comunitários no município de Coroatá sobre construção de tapagens nos rios, principalmente, no período da piracema, a promotora de Justiça da comarca, Christiane de Maria Ericeira Silva, determinou que servidores da promotoria em conjunto com o Instituto Municipal do Meio Ambiente – IMMAM e a Polícia Militar verificassem in-loco a denúncia.

A diligência ocorreu em 31/01//11, e se deu na Vila 07 de Setembro, localizada na MA-020 entre Coroatá e o termo Peritoró/MA. Na referida localidade, foram encontradas 5 tapagens construídas no Igarapé do Caximbo, que foram imediatamente destruídas e, os peixes presos nelas, distribuídos para as pessoas carentes da comunidade.


De acordo com o IBAMA, o período da piracema vai até o dia 30.03.2011.


Redação: Silvio Martins - CCOM/MPMA

Foi dada a largada para a 2ª Conferência Nacional de Juventude

Por Gabriel Medina*

O ano de 2011 inaugura um novo ciclo político no Brasil. As eleições de 2010 renovaram a composição do Congresso Nacional, (re) elegeram novos/as Governadores/as e conduziu Dilma Roussef como a primeira Presidenta da República do Brasil.

A Presidenta Dilma assumiu o compromisso de avançar o projeto político iniciado por Lula. Porém, temos consciência de que as mudanças e o aprofundamento das transformações sociais e políticas no Brasil dependem da capacidade de organização e da pressão do movimento social.

O desafio da juventude se torna muito grande nesse contexto. Vivenciamos uma série de conquistas com a construção da Política Nacional de Juventude (Lei 11.129/2005), com a criação da Secretaria Nacional de Juventude, do Conselho Nacional de Juventude, da execução do PROJOVEM e de políticas universais em várias áreas. No entanto, é preciso afirmar que as pautas da juventude ficaram fora do debate eleitoral e, ao que parece, é um tema periférico neste início de Governo. Muito se fez com Lula e, mesmo assim, estamos muito distante das expectativas dos/as jovens brasileiros/as.

Nos últimos anos, muitos foram os avanços no tema com a criação de conselhos e órgãos de gestão em inúmeros municípios e Estados brasileiros; com a aprovação da Emenda Constitucional 65 que introduziu a terminologia “Juventude” na Constituição Federal; com a realização de três edições do Encontro Nacional de Conselhos e; com a organização do Pacto da Juventude subscrito por inúmeros candidatos em todo o Brasil.

O ano de 2010 foi marcado pela maior população jovem de nossa história: 51 milhões. Nas próximas três décadas o Brasil viverá o chamado bônus demográfico, período que teremos uma população economicamente ativa maior do que a dependente, que atingirá seu pico no ano de 2022. Esta, sem dúvida, é uma das maiores oportunidades já vividas pelo país, somada ao bom momento político e econômico do Brasil com aumento dos empregos formais, diminuição da desigualdade social e a possibilidade de consolidação do processo democrático. Por isso, o Brasil está diante de uma oportunidade única e o lugar que assumirá a juventude neste processo é uma questão central para projetar uma sociedade justa, desenvolvida e que assegure qualidade de vida aos seus cidadãos.

Portanto, a realização da 2ª Conferência Nacional de Juventude, convocada por Decreto Presidencial no dia 12 de Agosto de 2010, com previsão de realização no ano de 2011, ganha centralidade na agenda política das juventudes. Estas precisam afirmar o seu direito de participar como sujeito estratégico do projeto de desenvolvimento do Brasil.

Na gestão de Lula, o Governo Federal desenvolveu o Plano Brasil 2022. A proposta traz uma reflexão sobre o futuro do país, fixando metas para 2022, ano que o Brasil comemora o bicentenário de sua independência. Coordenado pela Secretaria de Assuntos Estratégicos (SAE), com representantes de todos os Ministérios, as Casa Civil e do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) o plano foi dividido em setores: Economia, Sociedade, Infraestrutura e Estado. O Plano constrói um balanço de cada setor e apontou metas e ações para os próximos anos no mundo, na América do Sul, no Brasil e também sinalizou metas para os próximos 100 anos para o país. A juventude deve ser se debruçar sobre este documento e, em uma perspectiva geracional, apresentar ao Governo suas expectativas para o presente e futuro

Um salto necessário

A 1ª Conferência de Juventude foi um marco importante para o Brasil. Mais de 400 mil jovens participaram de um processo inovador, que se tornou referência para a democracia participativa brasileira. Como exemplo, citamos a realização de Conferências Livres em todo o território nacional. Naquele momento o lema da Conferência foi “Levante sua Bandeira”. Foi a oportunidade de os/as jovens apresentarem à sociedade brasileira seus anseios e demandas.

A 2ª Conferência Nacional de Juventude precisa dar um salto de qualidade, que amplie sua capilaridade e contribua para que a juventude opine sobre os grandes temas do país. Chegou a hora de afirmar quais são as políticas prioritárias do Governo Dilma, sugerir metas, prazos e como implementá-las com participação ativa da juventude. Para tanto, será preciso uma Secretaria Nacional de Juventude mais vigorosa, que consiga de fato assegurar a transversalidade de políticas universais que atendam a juventude no conjunto dos Ministérios de forma integrada, desenvolvendo sua capacidade de coordenar programas específicos inovadores.

A 2ª Conferência precisa deliberar de maneira decisiva a necessidade de avançarmos nos marcos legais da juventude e, portanto, fazer avançar as leis que tramitam no Congresso, como o Plano Nacional de Juventude e o Estatuto da Juventude. Nesse sentido, a definição sobre quais são os direitos da juventude, quais são as políticas e programas prioritárias para garanti-los e qual é o modelo de gestão devemos ter para executá-los, devem constituir as questões provocadoras para a elaboração do texto base que circulará pelo Brasil para a discussão.

A nova proposta de regimento da 2ª Conferência Nacional de Juventude apresentado pelo CONJUVE busca defender aspectos positivos da 1ª Conferência, como as Conferências Livres e criar novos mecanismos que ampliem a participação com a organização de um sistema que permita a participação virtual pela internet e as Conferências Territoriais, no âmbito dos Territórios da Cidadania, que permitirão maior participação dos/as jovens rurais, quilombolas, ribeirinhos e indígenas.

Por fim, a 2ª Conferência deve disparar uma discussão nos movimentos, organizações, redes e fóruns de juventude para a construção de uma pauta unificada da juventude que ajude a consolidar um calendário de lutas para o próximo ano. Sem luta social organizada, sem pressão política, dificilmente avançará a Política Nacional de Juventude.

*Gabriel Medina é presidente do Conselho Nacional de Juventude

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

PF já prendeu 13 prefeitos do Maranhão em três anos

Desde o dia 13 de dezembro de 2007, quando foi desencadeada a operação “Rapina 1”, contra o desvio de recursos públicos federais no Maranhão, a Polícia Federal (PF) já prendeu treze prefeitos e cinco ex-gestores municipais. Nesse período de pouco mais de três anos, aproximadamente 165 pessoas foram detidas pela PF – entre políticos, secretários municipais, empresários, contabilistas etc.

O número de prefeitos presos – boa parte deles acusados de sangrar os recursos da União destinados à Educação e à Saúde – subirá a catorze assim que o prefeito de Barra do Corda, Manoel Mariano de Sousa, o “Nenzim” (PV) se apresentar ou for capturado pela PF.

“Nenzim” é considerado foragido desde quinta-feira (3), quando a PF desencadeou a operação “Astiages” (“saqueador de cidades”, em babilônio), com o objetivo de prender temporariamente (cinco dias) doze pessoas por desvio e apropriação de recursos públicos calculados em mais de R$ 50 milhões, lavagem de dinheiro, crimes contra a ordem tributária e formação de quadrilha.

A mulher de “Nenzim”, Francisca Teles de Sousa, a “Dona Santinha”, e o “lobista” João Batista Magalhães também estavam foragidos até a tarde de ontem. João Batista seria ex-assessor do vice-governador do Maranhão, Washington Luiz Oliveira (PT).

Um filho, uma filha, um genro e uma nora do prefeito estão entre os presos na “Astiages”.

Do Jornal Pequeno

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

ONU institui 2011 como ano dos afrodescendentes

Afim de combater o racismo e as desigualdades econômicas e sociais dos negros, a Organização das Nações Unidas (ONU) instituiu 2011 como o Ano Internacional dos Afrodescendentes. Eles estão entre os que mais sofrem com discriminação e dificuldade de acesso a serviços básicos, como educação, segundo o órgão.

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), em parceria com a Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir), lançou, no final do ano passado, a campanha “Por uma infância sem racismo”.

A responsável pela campanha e pelo programa de proteção à infância do Unicef, Helena Oliveira, destaca que existem dois níveis de discriminação racial. “O primeiro é aquele conhecido pelos números. Os dados mostram a disparidade no acesso às políticas publicas. Nesse sentido, o negro acaba com menos direitos do que o branco”, diz.

A taxa de analfabetismo entre a população branca de 15 anos ou mais é de 6,1%, enquanto que para os negros e pardos é de 14,1 % – diferença de 131,1%. Os dados são do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e constam no 4º Relatório Nacional sobre os Direitos Humanos no Brasil, lançado em dezembro no último ano.

Entre os que estudaram, considerando a população com 25 anos ou mais, a média de escolaridade da população negra e parda é de 5,8 anos, contra 7,8 anos para a população branca.

“Um segundo nível de discriminação é o do cotidiano, que é mais simbólico. Quando uma criança escuta um comentário racista no espaço escolar, o que foi dito passa a compor a formação dela. Isso pode causar efeitos danosos”, completa Helena.

A campanha do Unicef tem o objetivo de mobilizar a sociedade brasileira para assegurar a igualdade étnico-racial desde a infância. “Quando os pais e professores promovem a interação e o conhecimento sobre o diverso, estão incentivando à igualdade”, ressalta. “A criança que pode estar em diferentes espaços cresce aprendendo a respeitar o outro.”

Pior entre mulheres

“As discriminações raciais somadas às de gênero são eixos estruturantes das desigualdades sociais no país e América Latina”, afirma a gerente de programas da ONU Mulheres Brasil e Cone Sul, Júnia Puglia. “As mulheres negras sofrem com a dupla desigualdade.”

Segundo a análise de Júnia, o papel tradicional da mulher na sociedade e a forma como os negros foram inseridos no Brasil colocam barreiras para que as negras aproveitem oportunidades educacionais e no mercado de trabalho.

Os dados da Relação Anual de Informação Social (Rais), órgão do Ministério do Trabalho, revelam que as mulheres negras recebem menos que a metade do salário dos homens brancos em trabalhos formais.

“Uma das piores formas de inserção é o trabalho doméstico remunerado, por meio do qual as mulheres negras mais participam das atividades econômicas do país. Este tipo de trabalho tem um percentual de formalização muito baixo”, lembra Júnia.

Solução

Para garantir equidade racial é necessário investir em ações inclusivas, de acordo com a ONU. “Quando uma parcela da população não está matriculada na escola, as estratégias para buscá-la deverão ser diferentes. São crianças de comunidades quilombolas e indígenas, para as quais a escola não chega”, exemplifica Helena.

Na opinião de Júnia, os debates sobre igualdade racial e de gênero tem avançado, embora haja reações contrárias à inclusão. “Há 15 anos não poderíamos vislumbrar esse cenário institucional, mas ainda tem muito trabalho a ser feito, porque é preciso desconstruir o racismo e o sexismo”, conclui.

Mais da metade de população brasileira tem ascendência africana. De acordo com dados do IBGE de 2009, 51,1% dos brasileiros se reconhecem como pretos ou pardos.

Com a segunda maior população negra do planeta (e primeira fora do continente africano), a missão do Brasil no ano temático da ONU é “chamar atenção para as persistentes desigualdades que ainda afetam esta parte importante da população brasileira”, segundo um comunicado da instituição.

Fonte: Envolverde/Aprendiz

Sai segunda chamada do SiSU

O Ministério da Educação divulgou neste sexta-feira (4) a segunda chamada de aprovados pelo Sistema de Seleção Unificada (SiSU) para vagas em universidades públicas. O estudante deve acessar o boletim individual do aluno para saber se foi selecionado, segundo o MEC. O número de estudantes que conseguiram vaga nesta sexta ainda não foi divulgado. Na primeira chamada, 82.949 de um milhão de candidatos se classificaram.

As matrículas devem ser feitas nos dias 8 e 9 de fevereiro nas instituições de ensino. O estudante deve verificar nas universidades e institutos federais os horários de funcionamento e a documentação necessária.

Os estudantes que foram selecionados, na primeira e segunda chamadas, em sua primeira opção de inscrição, não serão convocados nas chamadas posteriores — nem mesmo aqueles que não fizeram a matrícula.


Se restarem vagas, outra chamada será divulgada em 13 de fevereiro, com matrícula em 15 e 16 de fevereiro. Ao fim das três chamadas, caso ainda haja vagas, as instituições convocarão os candidatos a partir da lista de espera gerada pelo sistema. Os estudantes terão de declarar interesse em participar da lista de espera entre 13 e 17 de fevereiro.

Lentidão


Muitos estudantes tiveram problemas para acessar o site do SiSU no período de inscrições, que começou em 16 de janeiro. O MEC estendeu o prazo que terminaria no dia 18 para o dia 20. Segundo o MEC, entre 16 e 20 de janeiro, o SiSU registrou 2.020.157 inscrições, feitas por 1.080.194 candidatos. A primeira lista de aprovados foi divulgada em 23 de janeiro.

O ministro da Educação, Fernando Haddad, afirmou que precisará reforçar a infraestrutura da área de tecnologia da informação do ministério, mas negou que os problemas com o SiSU tenham sido motivados por falta de planejamento.

Do G1